FIQUE INFORMADO

segunda-feira, 22 de abril de 2013

COMO FAZER: DICAS DE COMO SE FAZER UM QUESTIONÁRIO QUALITATIVO

IDEAL PARA ALUNOS QUE PRECISAM DE INCLUIR EM QUALQUER TRABALHO DE FACULDADE ALGUM GÊNERO DE PESQUISA (PERGUNTA/RESPOSTA):

FONTE: SITE GENITRIX

Preparação de questionário de pesquisa
Em sua pesquisa, após a definição do objetivo geral e dos objetivos específicos, a próxima etapa de uma monografia é a fundamentação teórica. Bons livros conduzem a bons conceitos e boa fundamentação teórica. Dê preferência a livros de autores consagrados; de preferência impressos, pois passaram por um corpo editorial de avaliação. Artigos publicados na internet podem conter erros, plágios e imperfeições, portanto não são indicados para trabalhos científicos.
O instrumento de pesquisa, como um questionário, deve estar embasado em teorias e conceitos retirados do que há de melhor na bibliografia (livros) sobre um determinado assunto.
Essa etapa é importante porque ajuda a definir as questões do instrumento de pesquisa; oferecerá base para a análise dos dados; será responsável pelo embasamento da conclusão de sua pesquisa.
Em geral, a preparação de um questionário deve incluir as seguintes etapas:
a) determinação dos aspectos de interesse para a pesquisa (relação de assuntos e variáveis);
b) Revisão das hipóteses ou dos questionários que se desejam constatar com as perguntas. Assim cada item do questionário deve ter um sentido preciso e responder a uma necessidade relacionada com seus objetivos da pesquisa. Portanto, deve-se evitar perguntas não diretamente relacionadas aos fins do trabalho.
c) Estabelecimento de um plano de perguntas a ser incluído nos questionários, ordenadamente, sua localização nos instrumentos. A concentração por assuntos facilita a análise, mas também pode revelar um viés do entrevistado. A mistura dos assuntos das perguntas pode ajudar a perceber a coerência nas respostas do entrevistado.
d) Redação das perguntas deve ser clara, objetivo. Pode-se submeter esse texto a uma revisão para verificar seu nível de compreensão.
e) Preparação dos elementos complementares ao questionário, principalmente, quais hipóteses foram testadas e corroboradas.
É preciso preparar a aplicação do questionário, solicitando a colaboração do entrevistado. Deve-se agradecer ao final de sua participação. As instruções suplementares incluem a maneira de se responder o questionário, e a forma de avaliar os itens das perguntas.

Leia mais em: RICHARDSON, Roberto Jarry. Pesquisa Social: métodos e técnicas. São Paulo: Atlas, 1999

A pesquisa em Administração

A pesquisa em Ciências Sociais Aplicadas não pode excluir do seu trabalho a reflexão sobre o contexto conceitual, histórico e social que forma o horizonte mais amplo, dentro do qual as pesquisas isoladas obtêm o seu sentido. Portanto, é preciso aliar teoria e prática na pesquisa em Administração.
Estes estudos empíricos podem mudar de sentido a partir da consciência dos pressupostos sociais, culturais, políticos e individuais que estão nos fatos objetivos. A meta principal das pesquisas é o desenvolvimento do ser humano em sociedade.
A partir dos resultados de sua pesquisa será possível ampliar seus conhecimentos e agir com mais objetividade sobre os problemas encontrados em sua organização, no caso em Gestão de Pessoas.
Como meio de aquisição de conhecimento, a pesquisa pode ter os seguintes objetivos: resolver problemas específicos, gerar novas teorias ou avaliar as teorias existentes. Em linha geral, não há pesquisa sem teoria; ela pode estar mais explícita ou implícita no objeto pesquisado; mas ela está em todo o processo de pesquisa.
A metodologia de estudo de caso, pela sua abordagem empírica, é mais adequada nas pesquisas de campo de cursos de especialização tipo MBA.
Temos basicamente três tipos de pesquisas, a saber:
A) Pesquisas para resolver problemas.
Este tipo de pesquisa está relacionado a um problema prático e objetivo em uma determinada situação. Como exemplo dessas pesquisas temos: a pesquisa qualitativa, a pesquisa ação. Seu objetivo não é formular ou testar teorias; busca apenas a resposta a um problema específico.
B) Pesquisas para formular teorias.
O desenvolvimento das Ciências Sociais é recente.; há uma infinidade de pesquisas exploratórias que buscam estabelecer relações entre fenômenos. Há várias áreas de conhecimento ainda obscuros ou difíceis de se entender. Seu objetivo é estudar a correlação entre duas ou mais variáveis.
C) Pesquisas para testar teorias.
Há uma semelhança entre as pesquisas para formular e as para testar teorias. Para se testar uma teoria deve-se ser mais rigoroso, usando uma metodologia científica mais apurada e complexa. As teorias testadas devem ser confirmadas infinitas vezes para estabelecer o padrão de comportamento de um fenômeno. Após esta fase é possível estabelecer uma relação lógica e matemática entre essas duas ou mais variáveis.
A partir de seu objetivo geral será possível identificar qual é o tipo de pesquisa mais adequado ao seu caso.
Você, na atitude de pesquisador, deve examinar a veracidade ou falsidade dos fatos; além de saber como medir o grau dessa verdade ou falsidade. Um elemento importante é a percepção e a capacidade crítica do pesquisador, para evitar as conclusões precipitadas. É preciso ter a mente aberta para analisar um fenômeno na área de gestão de pessoas. Ideias preconcebidas como a gestão democrática e a liderança como panacéia para o alto desempenho precisa ser validado com dados objetivos da organização.
Enfim, para identificar os elementos de sua pesquisa é preciso identificar um objeto de estudo; estabelecer algumas variáveis, que serão apresentadas nos objetivos específicos, na fundamentação teórica, além de citações na introdução e na conclusão; por fim, é preciso escrever seu texto em linguagem científica, carregada de definições, teoria e objetividade. Um dos desafios é vencer o viés cognitivo, pois muitos pesquisadores, antes mesmo de efetuar sua pesquisa de campo, já possui suas conclusões enrraizada.

PUBLICIDADE:

15 MINUTOS SÃO NECESSÁRIOS PARA VOCÊ FAZER BASTANTE DIN DIN NA MOEDA AMERICANA, SAIBA MAIS, ASSISTA AO VÍDEO ABAIXO:


Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

PREVISÃO TEMPO

AULA DE REFORÇO - UOL EDUCAÇÃO

NÃO SE ATRASE PRA AULA